.20 de fev de 2015

Poema

 




Sentimentos tão volúveis.
Pensamentos tão maleáveis.
Como uma roda gigante,
Que tem seus altos e baixos.
Meu coração está como um carrosel de emoção.
Ouço uma triste canção.
Vivo em uma contínua devoção.
Falta muita ação.
Vivo da coação.
Busco o caminho da verdade.
Onde há versos da sinceridade.
Esqueço minha idade.
Alcancei a maturidade?
Oh,doce amor,
Tão enaltecido,
Porém esquecido.
Quero viver na tempestade do amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Poesia que encanta a vida - 2016 | Todos os direitos reservados. | Tecnologia do Blogger