.17 de fev de 2015

Versos da Tristeza - Joanice Oliveira


No espaço de silêncio,
Ouve-se apenas o vento.
Ao longe escuta-se um cata-vento.
Estou ao relento.
Andando a passos lentos.

Prosaicamente pensando em seu olhar.
Querendo tê-lo em minha direção.
Acelerando meu coração.

Sinto muitas emoções.
Ouço sua voz em todas as canções.

Num breve espaço de amar.
Eu simplesmente preferi magoá-lo.
Estou como um tornado em fúria.
Destruindo tudo sem perceber.
Hoje você pode me odiar.
E eu estou a chorar.

O cansaço tirou minha paz.
E levará você, meu lindo rapaz.
Vai tirá-lo de mim.
Este será meu fim.

Amo-te mais que a minha vida.
Agora você só me fita,
Porque te irrito.
Eu só grito.
Não sou bandido.
Não esqueça-me.
Não deixe-me.
Ame-me.

Versos da Tristeza



Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Poesia que encanta a vida - 2016 | Todos os direitos reservados. | Tecnologia do Blogger