.8 de jul de 2015

Apaixonados [ Joanice Oliveira ]

Acordo com o sol entrando pela minha janela e atormentando meus olhos fechados. Não que eu esteja ainda dormindo. Estou acordada desde as 6hs da manhã, mas minha mãe sempre entra no meu santuário e abre a janela. Ela só pode amar me perturbar. Eu amo mesmo tirando meu sono precioso.
Olho meu celular jogado no outro travesseiro. Cama de casal. Um dia ela será ocupada por outra pessoa além de mim. Espero que em breve. Por enquanto posso me esticar e rolar quantas vezes eu quiser, sem me importar com alguém limitando meu espaço. Sou espaçosa. Dane- se o mundo. Aqui no Brasil tem espaço de sobra e eu adoro meu espaço. Quem invadi-lo vai encontrar uma fera. Mas, voltando meu celular não para de vibrar.

Cara, são 7hs da manhã e as pessoas não sabem o que é silêncio. 7hs eu ainda estou indo para a universidade. Menina, acorda o mundo não gira em torno de você. Verdade, mas bem que poderia...Brincadeira. Checo as mensagens. O pessoal no grupo passa a noite acordado. Só pode. Mensagens às 4hs da manhã. Vampiros. Só pode.

Nada com importância. Ops! Engano...tem sim. Meu Deus! É dele. Leio e releio as mensagens: “ Bom dia, minha branquinha perfeita. Dormiu bem? Sonhei com você e acordei com um belo sorriso. Te amo. ” Cara. Para TUDO! Ele sonhou comigo? Não foi pesadelo. Foi um lindo sonho. Viram o que ele escreveu por último? Eu te amo. Ele não sabe o quanto suas palavras têm efeito sob mim. Estou feliz. Ele me ama.

Levanto e lembro que estou de férias. Sem rotina a ser seguida. Isso que é vida. Sem alguém vigiando se você está produzindo algo e com rapidez. Percorro a casa e vejo que meus irmãos ainda estão dormindo. Parecem até anjos dormindo. Só parecem. Todavia, os amos muitos.

O cheiro de café me atrai até a mesa. Mamãe prepara meu café. Ela me mima demais, mesmo eu sendo de maior faz muito tempo. Ela sabe minha rotina pesada, mas nada se compara com a dela. Mulher forte e guerreira. Um dia se eu casar e ser mãe, quero ser pelo 50% do que ela é hoje.
Deslizo para a TV e vou assistir desenhos animados. Posso ter 23 anos, mas adoro desenhos. Queria ter super poderes e ajudar as pessoas. Lembro, posso sim ajudar os outros. Faço isso, mas queria que fosse vestida de Mulher Maravilha e com o humor do Homem-de-Ferro e Sherlock Holmes. Um dia consigo.

Meu celular vibra novamente. É ele. Pergunta como estou. Digo:

- Estou muito bem, amor. E você?

Meu gato responde:

- Fiquei melhor falando com você agora.

Uau, eu penso. Ela sabe fazer com que frases clichês sejam tão impactantes como suas falas originais.
Eu falo:

- Está galante, Romeu. O que está fazendo?

Ele responde sem pensar na minha reação:

- Imaginando como seria acordar do seu lado todos os dias da minha vida. Olhar seu rosto sonolento, seus lábios lindos e seu cabelo como juba de leão deve ser a coisa mais linda do mundo.
Eu coro ao ler isso, mas respondo.

- Só se você tiver uma queda pela Medusa e querer virar uma estátua…tenho certeza que não vai querer me ver acordando.

- Bobinha, eu te amo do jeitinho que é.

Ele sabe como me desarmar. Por isso eu o amo tanto. Ele é previsível e muito amoroso. Não esconde o que sente e transparece seus desejos. Isso me tranquiliza. Ele é o dente-de-leão na primavera.


Ele pergunta ansioso:
- Por que ficou calada, minha linda? Falei algo errado?

Dou um sorrisinho abafado. Adoro quando ele fica nervoso porque acha que me magoou. Percebo o quanto sou importante para ele.

- Não fez nada de errado. Acho que eu que faço as coisas erradas. Você me ama mais do que imaginei ser amada um dia. Meu amor, você é a pessoa mais importante da minha vida. O homem que desejo ao meu lado todos os dias. Você é minha calmaria diária. Assim como o fogo que incendeia nossa paixão. – Dou um sorriso cheio de desejos.

Ele sorri freneticamente no áudio que me mandou. Conheço esse som. Ele deve estar desejando meu beijo. Seus olhos devem estar vidrados nas minhas palavras. Ele quer saber mais da importância dele na minha vida.

Continuo:
- Você é foi um furacão na minha vida. Chegou fazendo barulho e tirando muitas coisas do lugar. Isso causou conflitos em mim, mas com o tempo tudo foi se encaixando e percebi que você apenas encontrou seu cantinho em minha vida. Tomou posse do meu coração e dominou todos os meus sentimentos e pensamentos. Desejo você a todo instante. Só com você me sinto completa e posso transbordar.

Ele responde:
- Quero te ver. Sei que estou viajando, mas vamos fazer um vídeo chamada. Agora. Preciso de Você. Meu amor.

Ligo o Skype. Ele me chama no vídeo. Atendo.

Ele aparece do outro lado sem camisa. Ela está me provocando. Não vou cair. Ainda é muito cedo. Como se o Amor escolhesse hora né, menina.

Ele fala:

- Você fez meu coração disparar com sua declaração agora por mensagem. Onde está minha branquinha perfeita? O que fez com ela. – Ele sorrir com seu olhar penetrante e orgulhoso de saber que me faz bem e feliz.

Eu respondo com o sorriso mais sexy que tenho:

- Gato, a sua garota apenas evoluiu e soube que tem que conquistar a cada dia mais o seu amado. Se não vem outra e te rouba de mim.

Ele sorrir que seus lábios parecem maiores do que são. Lábios que são uma tentação e tanto. Lembro o quanto perco meu juízo quando ele chega perto de mim e fala com sua boca próxima do meu rosto. Acabo ficando vermelha com a lembrança.


Ele me observa atentamente e fala sem pudor:

- Está desejando meus lábios né? Eu conheço essa expressão. Eles são seus e de ninguém mais. Lábios que juram que vão te amar para sempre.

- Sou tão óbvia assim? – Eu pergunto rouca e com vergonha.

- Você nunca escondeu o quanto me deseja e isso me deixa louco. Isso é você  e não deve ser envergonhar. Eu também me derreto todo quando vejo você chegar na universidade mexendo o quadril como fosse um pavão elegante com esse seu sorriso avassalador.

Eu começo a ficar mais vermelha. Estou sem respostas. Acho que só nossos corpos falariam agora. As palavras foram descansar.

- Ah, eu já cheguei. Omiti apenas para te ver antes de lhe visitar.

Fiquei perplexa. Ele estava perto de mim o tempo todo. Minha vontade por ele aumenta e meus olhos se enchem de ternura e desejo quando assimilo esse fato.

- Que tal nos vemos daqui a pouco, minha gatinha manhosa.

- Claro, meu gatão.

Ele sorrir animado. Não formos feitos para um amor sem intensidade. Nos amamos com toda a força desse sentimento misturado freneticamente com uma paixão fulminante. Nos entendemos com as palavras, mas nossos corpos traduzem nossa paixão perfeitamente.


Ele sorrir. Eu desligo o notebook e me arrumo para vê-lo. Eu o amo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Poesia que encanta a vida - 2016 | Todos os direitos reservados. | Tecnologia do Blogger