.29 de set de 2016

[Especial Os Olimpianos/Resenha] Percy Jackson e A Maldição do Titã

Título: Percy Jackson e A Maldição do Titã #3
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Ano: 2009
N° de páginas: 330
Sinopse:
Um chamado do amigo Grover deixa Percy a postos para mais uma missão: dois novos meios-sangues foram encontrados, e sua ascendência ainda é desconhecida. Como sempre, Percy sabe que precisará contar com o poder de seus aliados heróis, com sua leal espada Contracorrente... e com uma caroninha da mãe. O que eles ainda não sabem é que os jovens descobertos não são os únicos em perigo: Cronos, o Senhor dos Titãs, arquitetou um de seus planos mais traiçoeiros, e nossos heróis serão presas fáceis. Um monstro ancestral foi despertado – um ser com poder suficiente para destruir o Olimpo –, e Ártemis, a única deusa capaz de encontrá-lo, desapareceu. Percy e seus amigos têm apenas uma semana para resgatar a deusa sequestrada e solucionar o mistério que ronda o monstro que ela caçava.
Divertidíssima e repleta de ação, essa terceira aventura da série coloca nosso herói e seus aliados frente a frente com o maior desafio de suas vidas: a terrível profecia da maldição do titã.



Livros Anteriores: O Ladrão de Raios || O Mar de Monstros 

A Maldição do Titã é o livro que realmente dar início as aventuras inesquecíveis de Percy Jackson e surpreende com perdas irreparáveis e segredos revelados que desmarcaram deuses e alguns mortais.

No final de O Mar de Monstros (SPOILERS) o Velocino de Ouro curou a árvore de proteção do Acampamento Meio-Sangue, porém algo inesperado aconteceu: Thalia, a filha de Zeus ressurgiu dos mortos e agora junta-se a Percy, Annabeth e Grover na missão de trazer dois novos semideuses para o acampamento.

Percy sente-se mal na presença de e Thalia, porque ela consegue concentrar a atenção de todos nela e isso gera um desconforto sem tamanho nele. Nesse verão, Percy se aproximou mais de Annabeth e um romance parece surgir entre os nós, mas a jovem parece mais interessada em sua amiga ressuscitada do que nos sentimentos do filho de Poseidon.

Nico e Bianca Di Angelo são as duas crianças semideuses que os quatro devem resgatar da escola. As duas crianças não conhecem seu passado e muito menos quem é seu pai poderoso. Os dois são observados por um monstro mitológico e altamente perigoso que aguarda ansioso a chegada de Thalia e seus companheiros para cumprir sua missão: Eliminar semideuses que podem atrapalhar os planos do titã Cronos.



O monstro captura Percy e os irmãos Di Angelo e quase consegue escapar com os três se a deusa Artémis não interferisse juntamente com As Caçadoras (equipe de jovens mulheres que ajudam a deusa) espanta o monstro, mas Annabeth é levada e fica desaparecida por um bom tempo.

Os irmãos são levados ao acampamento para serem apresentados ao Senhor D. (Dionísio) e Quíron para serem atualizados sobre suas origens. Nesse momento, Bianca já se tornou uma caçadora e deixou Nico sozinho e isso gera uma raiva incontrolável no garoto e o que ajudará na descoberta na identidade de seu pai.

“ Era só um sonho, mas eu tinha certeza de duas coisas: Annabeth corria um perigo terrível. E o responsável era Luke. ”

Percy sonha com Annabeth e descobre que a mesma foi presa por Luke e foi obrigada e segurar o céu no lugar do titã condenado pelos deuses, Atlas. Os sonhos revelam que Ártemis também fora capturada e está sendo torturada pelos aliados de Cronos. O Filho de Poseidon é excluído da tarefa de resgate da deusa e mesmo assim sai em busca de Annabeth e mete-se em todas as armadilhas possíveis.



Nesse livro temos duas buscas distintas. Um lado é guiado pela razão que é responsabilidade de Thalia, Grover, Bianca e Zoe Doce-Amarga (assistente de Ártemis) para encontrar a deusa capturada e a outra busca é um resgate emocional ou amoroso, na qual Percy tenta de todas as formas encontrar Annabeth e que fique CLARO, os dois se amam e só apenas não admitem (Dar vontade de bater nos dois).

A profecia dada pelo Oráculo é que alguém vai morrer nessa missão. As missões são feitas apenas por três pessoas e essa tem cinco participantes. Quem serão os dois a ofertar suas vidas para a salvação do Olimpo? A presença de Ártemis é essencial na reunião dos deuses no solstício de inverno que acontecerá em 7 dias.

“ [...] Às vezes os mortais podem ser mais horríveis que os monstros. ”

Será que Percy conseguirá salvar sua amada Annabeth? Quem são as pessoas que morrerão para o cumprimento da profecia? Será que Ártemis conseguirá se salvar da fúria de Cronos?

 Nesse livro temos bem mais movimento no que tange às aventuras, pois nos outros dois livros temos apenas uma apresentação geral do caos no Olimpo, a fúria de Cronos e a traição de Luke.

A Maldição do Titã traz lutas gloriosas, alianças inesperadas, perdas irreparáveis e sofrimentos futuros que vem com as visões de Percy do futuro que é aguardado por todo o Olimpo.

Nico Di Angelo é um garoto de 10 anos aparentemente curioso e apaixonado por seu jogo de mitologia, mas que se tornará uma criança cheia de raiva e ódio depois de muitos acontecimentos cruéis em sua vida e claro a grande revelação de quem é seu pai (que eu adorei!).

Bianca, irmã de Nico, ver na oferta de ser tornar uma caçadora, a chance de se libertar da responsabilidade de cuidar seu irmão, não que ela não o ame, mas assim conseguirá viver seus sonhos e descobrir suas habilidades. Ela é forte, corajosa e é peça importante nesse livro.

Ártemis aqui é a representação da queda do Olimpo. Ela mostra a confusão e a destruição que andam assolando a morada dos deuses e expõe os medos dos “todo-poderosos” e demonstra que os deuses também têm seus defeitos, medos e qualidades.

Zoe Doce-Amarga é uma incógnita até metade do livro quando descobrimos que ela é filha do titã Atlas e fora expulsa do seio familiar após trair sua família para ajudar um semideus no passado. Ela agora é rancorosa, agressiva e desacreditada nos homens, mas é o instrumento de Rick para mostrar a importância do perdão para nossa qualidade de vida.

Percy e Annabeth aqui são mais próximos e ganham o status de casal dessa saga, mesmo com a falta de demonstração desse sentimento claramente para que ambos entendam que o amor é recíproco e creio que Rick soube dosar o clima romântico no livro, assim não tirando o foco nos acontecimentos importantes do enredo.

A fluidez e o ritmo são mantidos em todo decorrer da história. Há uma mesclagem entre clima romântico, monstros, guerras e perdas de forma harmoniosa e assim fazendo os leitores tem uma ebulição de emoções durante a leitura.

A diagramação continua excelente e claro, a capa linda e muito azul que ganhou meu carinho por ela.

Tio Rick nos leva em uma aventura inesquecível, digna dos heróis antigos e incrivelmente envolvente e cativante.



14 comentários:

  1. Confesso que tio Rick não me atrai em suas leituras. Apesar de gostar do filme os livros não me atraem, porem sua resenha esta muito boa parabéns pelo trabalho.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Olá Jô
    Então, sabe que eu não consegui gostar da série, meu padrinho contou várias passagens de forma bem empolgada assim como a sua maravilhosa resenha, mas não me empolgou, e olha que amo a mitologia grega. E deppis que vi o filme, aí desanimei de vez. Quem sabe mais para frente

    ResponderExcluir
  3. Sou apaixonada no seu blog, moça! Meu Deus!
    Amei o post, ainda não tive oportunidade de ler, mas estou loucaaa!

    Mil Beijos!
    Nívine

    http://www.outrocapitulo.com

    ResponderExcluir
  4. Olá.
    Lembro que meus amigos não paravam de falar da série, mas infelizmente não consigo me interessar por ela. Por mais que tenha uma trama muito bem elaborada.
    Sua resenha ficou muito bem escrita, muito bem esclarecedor. Parabéns.

    ResponderExcluir
  5. Oie!
    Acredita que ainda não li esse série? Só li o primeiro livro e depois parei, preciso voltar para a leitura. Eu gostei bastante da serie, mas acabei deixando para depois.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Li essa série na época do lançamento (old feelings aqui) e lembro que amei a série como um todo. Infelizmente os livros do Rick não fazem mais o meu estilo de leitura, mas adorei relembrar um pouquinho do Percy com a sua resenha, que ficou sensacional.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oie
    muito legal sua resenha, sou bem suspeita pois eu adoro o livro e a série em geral e esse livro é um dos mais legais da série na minha opinião,

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu não tenho muita curiosidade de ler essa série. Fico super feliz que tenha caído no gosto dos fãs, mas não sei se leria no momento. Sei lá... tenho umas cismas com personagens mt jovens em fantasias, tipo, to meio cansada, espero um dia poder voltar a ter esse mesmo prazer em conhecer essa aventura.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  9. Olá,

    Lembro da primeira vez que li esse livro, foi a primeira série que comprei, e fiquei muito feliz! Amo real essa série, e não tenho nem palavras para expressar o quanto. Já li A maldição do Titã três vezes e nas três vezes eu chorei <3 sua resenha me deu uma baita saudade!

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. OOi!
    Tinha muita vontade de ler a série, mas confesso que passou. Mesmo com os comentários positivos que vejo ate hoje, como o seu, não chama mais minha atenção.
    Ainda assim, ótima resenha, que bom que gostou! :)

    Beijoos!

    ResponderExcluir
  11. Olha, essa junto com Harry potter é uma série que eu não tenho nenhuma vontade de fazer leitura, não sei porque mas os temas realmente não me atraem e muita gente me julga por isso, mas é melhor nunca dizer nunca, vai que um dia eu fique com vontade né ? bjs

    ResponderExcluir
  12. Oi, Joanice, tudo bem?
    Eu tenho uma amiga que é apaixonada por Percy Jackson, principalmente por conta de toda a mitologia. Mas, eu, ao contrário, apesar de gostar de mitologia, confesso que nunca me senti atraída por essa série.
    Fico feliz que você tenha gostado da leitura.

    Parabéns pela resenha!

    Beijos,
    Amanda
    http://www.confissoesfemininas.com/

    ResponderExcluir
  13. Morro de vontade de ler algo do tio Rick, e inclusive já comprei o box dessa série, mas cadê tempo pra fazer a leitura? Bom saber que você achou incrivelmente envolvente e cativante este volume, espero que eu me sinta assim também. Amo livros que me causam uma ebulição de emoções!

    ResponderExcluir
  14. Hello! Tudo bem?
    Acredita que até hoje nao li nada do Rick Riordan?!
    E olha que adoro fantasia e os temas que ele aborda de várias mitologias, mas realmente foi falta de oportunidade.
    As capas sao lindas demais e a premissa é excelente, Gostei mto dos pontos que vc apresentou, acho que vou amar mto.
    Achei tudo bem interessante, vou com certeza ler.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir

© Poesia que encanta a vida - 2016 | Todos os direitos reservados. | Tecnologia do Blogger